terça-feira, 13 de junho de 2017

Uma Vida Em Mudança



 
   Dizem que o hábito faz o monge, eu digo que o hábito é o maior erro da vida de um ser humano. A vida é algo que dura umas quantas dezenas de anos e que engloba meia dúzia de parâmetros em constante mudança provocada por nós mesmos e por todos aqueles que nos rodeiam. Mudam-se idades, ideias, fases de vida, prioridades, rotinas, convivências... Muda tanta coisa, que a única constante da nossa vida acaba mesmo por ser a mudança. E se a nossa natureza é essa, será saudável criar hábitos ou ilusões de que algo será para sempre? O desafio é mesmo manter a firmeza e a sanidade durante tanto tempo vivido sem nunca conseguir encontrar a verdadeira zona de conforto. O pior inimigo do homem é acreditar que em algum momento da vida está na sua zona de conforto, porque, mais tarde ou mais cedo, os dados voltam a ser lançados e aparecem novas mudanças que nos obrigam a caminhar fora dessa ilusória zona de conforto. Numa análise rápida, a vida é um jogo e os vencedores são sempre aqueles que têm a maior capacidade de adaptabilidade e o maior poder de encaixe perante todos os acontecimentos do mesmo. O segredo passa por não ter certezas de nada e nunca dar nada por garantido, isso só por si já é meio caminho andado para nos mantermos vivos, firmes e com um elevado grau de sanidade mental.


Sem comentários:

Enviar um comentário